sexta-feira, julho 27, 2007

Uma emissão na desportiva



Finda a época de ouro do marcial Xadrez de Centro Recreativo, do atlético Dominó de Estabelecimento Comes-e-bebes (versões Café Central, Café Progresso e Snack Lourenço – para citar as mais concorridas) e da erótica Bisca Lambida (vítima de uma vaga de perseguições das autoridades sanitárias às modalidades lambidas), é tempo de nos virarmos para novos desportos, estes um pouco menos radicais e exigentes porque, com a degradação ambiental, os nossos pulmões já não são o que eram e é preciso acalmar um bocadinho.

E hoje vamos falar de dois desses novos desportos: Pedro Figueirdo contará tudo sobre o que pratica, o Kite Surf; e malta do Jorkyball, para sermos coerentes, falará do – imaginem – Jorkyball. Se toda a gente sabe mais ou menos, em termos generalistas, o que é o Kite Surf, quase ninguém terá sequer ouvido falar em Jorkyball. Pois adianto-vos que é uma espécie de futebol de salão dois-contra-dois (modalidade que praticava o Benfica há uns anos, quando jogava só com o Preudhomme – é assim que se escreve? – e o João Pinto).

Quanto a vocês, telefonem para o 800 25 33 33 ou encham-nos a caixa de comentários com as vossas experiências desportivas e contagiem-nos com o gozo que vos dá praticar o que praticam (sexo não vale a pena contarem, porque isso já sabemos que tem certa graça, que é divertidíssimo e resulta quase sempre em agradável convívio); podem igualmente colocar questões aos nossos convidados e ficarem a saber mais de Kite Surf e Jorkyball. A partir das 19 com Fernando Alvim e Xana Alves.

34 comentários:

JP disse...

Boa tarde a toda a equipa da prova oral, (quase de férias ah?!)
Já tive contacto com as duas modalidades, o primeiro foi com o Kite Surf perto da praia de mira; depois de várias horas a aprender a manipular o Kite, passei para a segunda parte, onde tentei e tentar é a palavra chave aqui deslizar sobre a água, mandei uns valentes tralhos, mas nada comparado com a queda que o Alvim deu a fazer snowboard em ceia.
Quanto ao Jorkyball, tive conhecimento desta modalidade ao ver a reportagem da sporttv "o melhor jogador do mundo" (têm de ver esta reportagem, faz-nos ver a vida de maneira diferente); passado uns dias eu e uns amigos depois de pesquisar-mos as regras na net, fomos experimentar no JorkyballCoimbra e posso dizer que é engraçado, mas um futsal ou um futebol na praia continuam a ser melhores.

Anónimo disse...

ja fiz windsurf mas kite ainda nao experimentei.quanto é que custa ter o material?contando claro em pelo menos 2 velas uma vez serem necessarias de diferentes dimensoes conforme o vento que está..

Anónimo disse...

Alvim isto é injusto!! tal como no outro dia reinvidicaste os direitos do "ok, ko" das doce, eu hoje reinvindico os direitos do Jorkyball!!! Em pequeno, ha muito muito tempo, eu e os meus primos(as) arruinavamos as noites dos vizinhos em animadas partidas de futebol, dois para dois no meu quarto, muito antes de se chamar Jorkyball (depois veio o swing)!! Tenho os vizinhos e os vidros partidos como testemunhas!! Quero os meus direitos!! abraços de um autor frustrado Vítor Daniel

Rita Ascenso disse...

aos 28 anos decidi aprender kitesurf em Faro, nomeadamente na Praia de Faro, na Barrinha. devo agradecer aos meus professores o Pedro e o incansável João (joãozinho). depois de muitos voos, não previstos, muitas quedas, mas finalmente, planei sobre água puxada pelo vento e... fiquei maravilhada. compensa as quedas e... desculpa joão pelas dores nas costas que te causei.

é um desporto sem idade. cumprimentos à Sofia e José Cavaco.
Rita Ascenso

(ouço sempre q posso a Prova oral e já pus os meus pais a ouvir e a gostar de ouvir-vos. Parabéns e Boas férias)

definitivo disse...

Boa noite, Alvim.

Ora bem, sobre o Kite Surf, é o seguinte: esta é uma modalidade em que eu não tenho a mínima chance de a praticar: 1º, não sei nadar (sei dar umas "braçadas" na minha banheira mas... só quando está lá alguém); 2º, como é um desporto que exige muito equilíbrio, não tenho a mínima hipótese: é que, até a dormir sou desequilibrado!...
À frente...

Sobre o Jorkyball, tenho uma pergunta a fazer, que é a seguinte: andei a pesquisar e reparei que há uma regra sui generis (reparem como, não sabendo nadar, compenso essa "falha" com latim clássico - não é pra todos!): é aquela regra em que os jogadores nunca se podem tocar.
Esta regra é intrigante. Então se eu der uma valente pantufada na bola, e esta, em vez de ir directa à baliza, for direitinha ao focinho do meu adversário, não posso ir lá fazer umas "festinhas" ao gajo, confortá-lo e dizer-lhe que prá próxima... aponto mais pra baixo?!.... Aí uns... 70 centímetros?!...

O jogo em que eu me saio (e também entro!) melhor, é a Copa Lambida. Já experimentei a Bisca Lambida mas... o sabor é diferente.

Abraço, capitão.

Zé Luis disse...

E Futóquei, quem é que nos tempos do ciclo não jogou? Bem pelo menos nos meus tempos do 5º e 6º anos era um jogo que ocupava os intervalos e os feriados que tinhamos. É um jogo que é jogado como o futebol mas com a espetacularidade do hoquei: uma bola de ténis e duas balizas, que normalmente eram os bancos de pedra que existiam na minha escola. O guarda-redes podiam defender com todas as partes do corpo mas tinha que ter sempre uma arte do corpo em contacto com a baliza que tinha nao mais altura que o joelho e tinha 1 metro e meio de comprimento(normalmente os guarda redes permaneciam sentados e defendiam mais com os pés). Que vicio ue era!!! 1 grande abraço a todos os desportistas alternativos...

Anónimo disse...

Boa tarde a todos, gostava de dar uma axega ao paintball. Esta modalidade esta tambem disponivel em varias vertentes por exemplo o mato, sendo o mais abitual e o speedball que gostava de falar. Esta vertente tem um campionato nacional de paintball(LPP) e na europa temos o Milenium. Jogamos em insuflaveis e temos 2 tipos de campionatos. 5 pessoas e 7 pessoas. Esta vertente tem todos os escaloes hetarios sejam homens ou mulheres. E devido a esta modalidade que jogo gostava de deixar um apelo "Esta modalidade sofre de uma doença, como muitas outras, A FALTA DE PATROCINIOS."

Anónimo disse...

BASEBOL

Anónimo disse...

Seria basebol que estavas a falar

Bruno Matos disse...

será baseball alvim? pela tua descrição parece...

Anónimo disse...

É Baseball Alvim.

Anónimo disse...

eu acho que estas a falar do baseball alvim :)

freedom

Anónimo disse...

o Pedro da aulas de kitesurf? mas é preciso ser instrutor certificado, certo? e há escolas de kitesurf certificadas? quais?

Anónimo disse...

futebol americano? rugby?

um "paraquedas" no kite surf?

como anda essa cabeça jovem...:)

Sofia disse...

há festivais de kitesurf no verao?

Anónimo disse...

Boas! Só para dizer que o desporto que o Alvim não sabia o nome, aquele desporto famoso nos States, se não será o baseball??
Abraços.
Bom programa.

André Ramos
Aveiro

Bruno Matos disse...

on topic: quando era puto jogava um jogo apelidado de "baliza-a-baliza" era disputado num campo de futebol de 5, com duas variantes: 1 vs 1, ou 2 vs 2, o objectivo era o mesmo de todas as outras variantes do futebol.. marcar golos, unicas regras: só podias dar 2 toques por "vez" e só podias tocar na bola no teu meio-campo.

Lara disse...

Alvim, o jogo norte-americano de que falavas há pouco não seria o baseball?

Boas férias para todos vós!

*** lara

Joana disse...

Esse jogo é o basebol!!!!
Regras: (fielmente copiadas da Wikipedia lol )

Cada equipe ataca e defende alternadamente. A equipa que defende entra em campo com nove jogadores. A que ataca, logo de início, conta com apenas um, o batedor. Todos os jogadores da equipa atuam como batedores, um por vez, numa seqüência estabelecida pelo técnico antes do início da partida - a ordem de batimento ou line-up.


A partida é disputada em nove innings (ou nove entradas). Um inning é formado por um turno de ataque e um de defesa, para cada equipe. A equipe visitante tem o direito de começar o ataque. A mudança acontece quando a equipe que está defendendo consegue eliminar três atacantes adversários (batedores e/ou corredores).

Não existem empates. Se ao final dos nove innings o jogo estiver empatado, innings extras vão sendo acrescentados até o desempate.
Se o batedor não conseguir completar as quatro bases na mesma jogada, ele para naquela que tiver alcançado e um novo batedor entra na partida. O batedor anterior é agora chamado de corredor e continua na tentativa de completar as bases.


Uma equipe consegue anotar uma corrida (marcar um ponto) quando um corredor consegue percorrer o quadrado (diamond) formado pelos quatro bases. A corrida para as bases começa logo quando o batedor devolve a bola arremessada pelo lançador (pitcher) dentro da área de jogo. O batedor corre até que um defensor consiga devolver a bola para algum de seus companheiros que ficam posicionados junto as bases.


O batedor também consegue um ponto quando manda a bola, de forma válida, para fora do campo de jogo (home-run).


Um batedor é eliminado quando o lançador lança três bolas correctamente e ele não as consegue bater. Lançamento correto é aquele que chega ao batedor no espaço entre o joelho e as axilas, com uma largura de 48,18 centímetros (correspondente à casa-base),formando assim um retângulo imaginário chamado de zona de batimento ou strike zone. Quatro lançamentos fora da zona de batimento colocam o batedor automaticamente na primeira base - base por bolas.


O batedor também é eliminado quando: um dos defensores pega a bola batida antes que ela caia no chão; quando os defensores conseguem chegar à base em disputa com a bola, antes do atacante; ou quando um defensor toca o atacante com a bola antes que ele alcance uma base.


Home-run é o nome da jogada em que o batedor bate a bola para fora dos limites do campo e consegue completar as quatro bases na mesma jogada. Há também o inside-the-park home-run, jogada em que o batedor consegue percorrer as quatro bases em apenas uma rebatida – dentro do campo.

Called game é quando o jogo termina se a diferença for de quinze pontos no quinto inning ou de dez pontos no sétimo inning.

Pronto, fika a explicação! loool

Cumps!!

ivo carvalho disse...

E lembram-se do 31?

Um jogo com uma bola de basquete e há 3 áreas, uma que vale 3 pontos, outra 2 e outra 1 ponto, consoante de onde se atire. Há que chegar à pontuação de 31 e não rebentar.

No mínimo são 2 jogadores, e há uma área em que os adversários podem saltar e roubar a bola.

Bem, era giro, sobretudo para quem não gosta das regras do basquete :)

Tchüss :)

Anónimo disse...

epa mata era para meninas...
no meu bairro jogavamos ao FUZILA
que basicamente era dar boladas uns aos outros, quem levasse uma bolada saía do jogo e era assim até ficarem 2 jogadores em campo,

Anónimo disse...

XANA DEFENDE-NOS!!!!:)

NÓS SOMOS MUITO BOAS A JOGAR FUTEBOL!!!!

ivo carvalho disse...

O desporto que eu mais pratico é o Pro Evolution Soccer 6.

Não há melhor coisa que jogar isso enquanto oiço a Prova Oral!

Pedro disse...

isto do kitesurf é muito giro... onde é que se pode aprender? há escolas? ou temos que experimentar por nos?

Ana Moreira disse...

O mata era bem giro, e terapêutico, quantas vezes nos dá vontade de atirar com uma bola á cara de certas pessoas! ;)

Boas férias e beijinhos

Bruno disse...

boas! adoro ouvir a prova oral...

sei que ha um festival muito giro, o Kite Summer Festival.

www.kitesummerfestival.com

Rui disse...

Existia um jogo quando eu andava na primária que se chamava " Parte cabeças" Metade da turma no Pinhal atrás dos pinheiros, a outra metade dentro da escola, por detrás do muro. Depois... Mandava-se pedras. Ganhava quem mais cabeças partia.
Um abraço para todos vocês.

Anónimo disse...

alvim, eu tive basebol na secundaria...em educaçao fisica...e ja la vao quase dez anos....

e digo-te já k é mesmo muito divertido...

Anónimo disse...

Olá, o meu nome é carlos sousa e gostava de vos dar a conhecer uma modalidade muito pouco (ou nada) conhecida. Chama-se Corfbol (em português) e é muito parecido com o bascket mas com algumas regras diferentes. http://pt.wikipedia.org/wiki/Korfball

Abraço!

Anónimo disse...

Boas! =)
Alvim,na minha escola um dos desportos a EF é o baseball! Porém, só o praticam quando os profs se disponibilizam para o ensinar! :p porque não é fácil.. não se tem logo toda a a "emoção" do jogo no princípio...=) portanto, este deporto pode vir a ficar cada vez mais presente no futuro!

Saritadeloule
**

Anónimo disse...

So quem nao conheçe os deportos e que os critica.........

Prefiro ver jogos de basebal a ver a nossa liga de futebol......

su disse...

Raparigas ao kite!!!! :)

Cada vez há mais, e importa reiterar que este é um desporto para ambos os sexos e para quase todas as idades!

Existem cada vez mais vertentes deste desporto para explorar, o Pedro poderá falar delas!

Bjos a todos e bora lá raparigas de POrtugal, toca a tirar o curso, pegar nas asas e ir para a praia!

Já agora, vejam as actividades da comunidade de kitesurf em Portugal em www. windcatchers.org e em www.kiteriderz.com!

Bjos a todos

Anónimo disse...

Baseball é o desporto: www.lisboabasebolclube.com

carla granja disse...

olá! eu gosto mais de jogar uma partidinha de snooker,mas temos de inovar e pq não exprimentar novos desportos. eu tenho um blog com poemas feitos por mim e se kiseres dá uma olhada tmb tenho alguns videos e fotos minhas tmb. bjos
http://paixoeseencantos.blogs.sapo.pt
carla granja