sexta-feira, julho 20, 2007

Psicologia Pessoal



O Senhor Engenheiro Viana Abreu (isto podia ser o começo de mais um livro do Gonçalo M. Tavares) tem um currículo, no mínimo, compostinho. Ora vejam: é licenciado em Engenharia Electrotécnica, ramo de Telecomunicações e Computadores pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto; tem formação internacional nas áreas da Psicologia, Desenvolvimento Pessoal e "Peak Performance"; desenvolveu funções de Direcção e Administração em várias empresas nas áreas de Marketing, Novas Tecnologias da Informação e Desenvolvimento de Recursos Humanos; é Professor/Orador nas áreas do Marketing, Comunicação e Desenvolvimento Pessoal; é investigador nas áreas da Consciência e Unificação da Física; e é co-fundador da empresa Portal do Ser - Centro de Desenvolvimento Pessoal.

É este último item que nos interessa particularmente hoje, pois vamos falar de um dos cursos ministrados pelo nosso convidado no Centro de Desenvolvimento pessoal: o de Psicologia Pessoal para o Sucesso.

Objectivos do curso: elevar o nível de Auto-conhecimento; reconhecer o papel dos Paradigmas e Condicionamentos; identificar a Missão pessoal e Principais Objectivos; reconhecer as fases do Processo de Desenvolvimento Pessoal; dominar Atitudes e Estratégias para uma Acção Eficaz.

A quem se dirige este curso?; que tipo de formação prévia é necessária para o frequentar?; o que podem os formandos esperar dele?; que utilidade prática poderá ter no nosso dia-a-dia; e por aí adiante: caso este assunto vos interesse, podem perguntar e comentar pelo 800 25 33 e caixa de comentários do blogue. A partir das 19, com Fernando Alvim e Rita Amado.

22 comentários:

Anónimo disse...

Que raio quer dizer "formação internacional nas áreas da psicologia"?

Lopes

akma et akta disse...

é tipo aqueles cursos por correspondência.

Eu ia jurar que quando li "Objectivos do curso: elevar o nível de Auto-conhecimento" pensei por momentos que isto ia ser sobre yoga.

Miguel Dias disse...

Este é, claramente, um curso que se impõe num país cada vez mais vazio que é Portugal.

Senão vejamos como este curso seria útil para imensas personalidades do nosso país! Analisando os objectivos:

Elevar o nível de auto-conhecimento: Ou seja, com este curso, ficamos a conhecer-nos melhor! Acho que o nosso Primeiro-Ministro precisa deste curso, para ficar a saber que ele próprio não é engenheiro!

Reconhecer o papel dos paradigmas e dos condicionamentos: Este objectivo seria útil para o departamento médico do Benfica, que ainda não percebeu que as lesões dos jogadores são um condicionamento suficientemente forte para não os por a jogar.

Reconhecer as fases do processo de desenvolvimento pessoal: Sim, percebermos que a nossa personalidade tem várias fases de desenvolvimento... Isto seria útil, por exemplo, para José Castelo-Branco, pois desta forma ele percebia que ainda não completou o primeiro processo de desenvolvimento pessoal, que se caracteriza pela obtenção de capacidade de raciocínio.

Dominar atitudes e estratégias para uma acção eficaz: Penso que, por ajudar a dominar atitudes, este curso também seria útil à Júlia Pinheiro... Podia ser que ela controlasse os ataques de histeria!

E pronto, fica aqui demonstrado que eu acho este curso importante para o nosso país.

Continuação de bom trabalho e não, Alvim, ainda não foi localizada a camisola que tu perdeste em Vila de Rei...

KIKAS disse...

A minha curiosidade incide em saber como que é que uma pessoa licenciada em engenharia electrótecnica e telecomunicações, se interessa por áreas de psicologia?

Por outro lado concordo plenamente com o comentário anterior, fazendo dele tb minhas palavras =)

Bom fim-de-semana a todos!

Anónimo disse...

Este Alvim é com cada tema!!!
Foda-se!!!

Quanto é que o cromo te paga pra ir aí???

Humm???

Anónimo disse...

E ontem???

O primeiro ouvinte a entrar ás 19:45!!!

Ganda tacho prós amigos!!!

Anónimo disse...

A Antena3 é PÚBLICA!!!

Vou ligar ao provedor...

Anónimo disse...

Bem, se as empresas da concorrência dão em reclamar uma hora de publicidade gratuita...

Demanjo disse...

Antes de mais, olá a todos, a primeira vez será sempre na 3 e aqui vou eu para esta confusão.

Questão para o convidado:

Na prática, a assertividade do individuo não irá influênciar na psicologia do mesmo e já agora se o curso engloba este assuntos?

Ficam bem,
Demanjo from labuteS.

Anónimo disse...

Ninguem quer ter sucesso e sentem raiva de quem tem, o minimo sinal, o minimo traço dele (sobretudo a capacidade de liderança e a iniciativa) é motivo para destilar todo o fel.
Vejo tambem no dia a dia pessoas a esforçarem-se para que tudo corra como correu ontem porque ontem correu muito mal, mas ontem correu como anteontem, que por acaso tambem correu mal, e quem quiser mudar irá dar-mos motivos para o odiar, afinal anda aqui a armar-se em chefe... e se por acaso for meeesmo o chefe... Uiii foge dai.

Alem disso andem de olhos abertos e verão que as pessoas pegam em qualquer coisa para provar a sua teoria da conspiração e quem sobresai mais da jeito, dá jeito porque?

dEOLINDA sANTOS disse...

Que estarei a fazer mal?
De manhã cuido bem de mim e ao sair de casa verifico se tudo está em ordem, vejo se o gás e as luzes estão desligados, a agua e as janelas bem fechadas e verifico debaixo da almofada (não me perguntem o que é que não sei e é verdade vejo mesmo).
No trabalho procuro tomar decisões sobre tudo e fujo aos automatismos, lanço a minha rede de contactos e escolho a de apoios e tenho tornado por ter iniciativa durante estes anos o pivot da parte funcional do escritorio.

Será que para ter sucesso no meu mundo (o escritório e arredores) terei de que conseguir entrar na competição "EU SOU O MAIOR HEROI, PORQUE ESCREVO SEMPRE A AZUL" com os homens do trabalho e ao mesmo entrar na competição "O PAPEL É A4 E OUTRAS PROVAS DA CONSPIRAÇÃO CONTRA MIM - É POR ISSO A FULANA VAI DORMIR COM O TIO DO PRIMO DO PADRINHO DO CHEFE PARA ME LIXAR" Edição 15 248 com as mulheres?

Anónimo disse...

Mas ainda há alguem que frequente cursos de Psicologia... eu conheço umas quantas pessoas que acabaram o curso e estao ou em casa sem fazer nada, ou a fazer algo totalmente doferente do que aprenderam...

Esse curso serve para alguma coisa?
Tem alguma saida professional? è uma mais valia para as pessoas que acabaram Psicologia?

Um abraço...

Gil

Aksal disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Aksal disse...

Para atingir objectivos vejo algoritmia...

1-Defenir a meta.

2-Subdividir em passos.

3-E dar um passo de cada vez.

É como fazer um bolo escolher o bolo e colocar os ingredientes na ordem e quantidade certas.

Vitor Azeredo disse...

Como é que uma pessoa como o Sr. Viana Abreu, com a formação académica e cognitiva que tem, tem necessidade de ser tratado por Engenheiro? Para mais quando ele não está aí para falar das engenharias...

Voltamos ao pais dos Doutores e Engenheiros?

Vitor Azeredo

Dark Angel disse...

Mas porque é que toda a gente quer ser engenheiro???
E depois esses engenheiros não se chegam à frente...
Bem, qualquer um pode ser engenheiro... mesmo sem curso... vejam o nosso primeiro ministro...

Dark Angel disse...

Já agora, quem salva o mamute?

Anónimo disse...

Psicologia Pessoal consegue curar as depressões?

Fábio Oliveira disse...

Gostei da temática da prova oral de hoje pois tenho procurado nestes últimos tempos perceber o que define o sucesso/insucesso pessoal (nomeadamente no meu caso). Esta procura, que decorre do meu processo pessoal, que estou no fim do meu curso de Engenharia Informática na mesma faculdade do vosso convidado, tem sido acompanhada por alguns artigos que tenho lido ultimamente e que descrevem as pessoas como responsáveis/irresponsáveis e capazes de resolver problemas/problemáticas e relacionam estas duas com a capacidade de perceber a extensão das consequências dos actos.
A minha pergunta é: como passar de uma pessoa que coloca nos outros a responsabilidade dos seus problemas para alguém que assume essa responsabilidade e é capaz de perceber como o resolver (ou assume que não é resoluvel).
Obrigado ;)

definitivo disse...

Boa noite, Alvim.

"Psicologia Pessoal para o Sucesso".
Isto quer dizer, com propriedade, o quê?...
Que me é mais fácil ser rico (mais do que já sou, claro)?...
Que fico um gajo tão irresistível prás mulheres, ao ponto de nem ser necessário dizer "ah faneca!"?...
Quando entrar numa discoteca, pára tudo, e forma-se um corredor de pessoas que me vão batendo palmas enquanto eu finjo que não é nada comigo?...
Que as minhas empregadas me vão exigir para que eu lhes baixe o salário?...
Que a minha mulher comece a admitir (finalmente!) que eu leve as minhas amantes a jantar lá a casa?....
Que o meu filho desista dos estudos porque chega à conclusão que, um dia mais tarde, lhe basta um pequeno curso para ter sucesso?...
Que o Bill Gates, o Belmiro de Azevedo, e outras pessoas "topo de gama" como eles, afinal, são ricos e têm sucesso porque já tiraram o tal curso há muito tempo?...
Que posso, um dia, substituir o Alvim no sucesso que ele já tem?...
E por falar nisso, o sucesso do Alvim é fruto do mesmo curso?...
Há descontos para os que já têm um certo sucesso, como eu, por exemplo?...

Finalmente, Sr. Viana Abreu, porque é que o senhor "vende" o sucesso aos outros, quando o podia ter para si?...
Que foi feito da sua empresa "New World Dream" criada em 2000?...

Agora é mesmo para acabar: as pessoas que se inscreverem no Porto, têm mais hipóteses de terem sucesso em relação às de Lisboa, sabendo que a sede no Porto fica situada no Edifício Sucesso e na Praça do Bom Sucesso?..

Abraço, capitão.

Anónimo disse...

Esta é boa.

Querem ver como o nosso mundo funciona... Primeiro os que estão no poder, ou são professores, psicologos,agentes, ect... Acham-se no direito de invadir a privacidade de um individuo e acham-se também no poder de aniquilar-lhes a vida toda. como?

Com este truque. uma meta, sem olhar a meios, destruir esquecento o que é certo e errado, e depois para se deitarem de fora do mal que fazem esses que abusam do poder, no fim do seu intento psicologico, a meta. Sugerem às vitimas um curso para se curarem das suas façanhas maldosas.

Pois é agarrem-se à psicologia pessoal e se não for o sufeciente suicidem-se, pois acho que é a melhor cura para tamanha sacanice.

Quem poe estes temas devia ter vergonha nas cara.

convença-se e reze para que o curso seja a salvação da vítima de muitas injustiças sociais e pessoais.

ZdP disse...

FODA-SE