quinta-feira, julho 12, 2007

Rock português: pais, filhos, padrastos, enteados



Desde a era dos palcos nos centros recreativos, colunas furacão debitando guitarradas progressivas, pianadas de dx sete, plateia de chicos fininhos fascinados com o ganda som, parques de estacionamento a abarrotar de macais minarelis, fammeis zundappes e afins, estúdios caseiros à base de fostexes de quatro pistas; até à era do do cubase, do protools, do Mário Barreiros, do myspace, do youtube: o Rock Português, dos primórdios aos dias de hoje, passados em revista nesta emissão da Prova Oral.

Convidados: os Trabalhadores do Comércio, que acabaram de regressar com um novo álbum, de nome Iblussom, ainda por cima duplo (uma parte de originais, outra, uma compilação de velhas glórias); Hélio dos Linda Martini e Quim dos Vicious 5, integrantes da compilação Novo Rock Português. Uma Prova Oral que promete ser comovente, ao nível das melhores telenovelas, com este encontro de pais e filhos.

Via 800 25 33 33 e caixa de comentários do blogue, podem deixar a vossa perspectiva de ouvintes do Rock Português – o que mudou e ainda bem, o que mudou mas não devia ter mudado –; lançar perguntas para a mesa; especular sobre o futuro de uma música que se move num mercado tão pequeno, de vendas de cd's quase simbólicas – ainda mais agora, sendo tão fácil sacar da net –; filosofar sobre as perspectivas de internacionalização – cantar em inglês ajuda? –; opinar sobre se os festivais poderiam ou deveriam fazer mais pelo rock luso. A partir das 19, com Fernando Alvim e Marta Macara.

22 comentários:

Miguel Angelo disse...

ola Alvim e a tdos os ouvintes da Prova Oral, primeiro quero dar os parabens as bandas Portuguesas que estao presentes, gosto de ouvir as musicas dos Trabalhadores de Comercio, e tambem admiro o trabalho dos Linda Martini e Vicious Five. como acham que será o Rock Portugues daqui a uns anos, visto que a musica estrangeira esta a "dominar" o mercado da musica.Grande abraço para tdos.

Catarina disse...

O Rock Português começou sem dúvida com os UHF, mas Rui Veloso foi considerado o Pai do Rock Português.

Aprecio o som, mas confesso que não é das músicas que ando à procura, quando ligo a rádio.

È mais do de obvio que o Mundo da Música tem sido prejudicado pela pirataria, deixando a vida dos músicos cada vez mais prejudicada. Afinal isto de “sacar” foi mexer com várias áreas, sendo a música e os filmes das mais molestadas.

Acredito que não é necessário cantar em inglês para que sejam reconhecidos bons músicos, e boa musica, afinal temos boas referências portuguesas conhecidas mundialmente que cantam em português, no entanto o inglês não deixa de ser a língua Universal, que nos permite sermos compreendidos por outros povos. Cabe a cada um saber o seu potencial e como captar maior número de ouvintes.

Aproveito para dizer que a Prova Oral é dos programas que acompanho de segunda à sexta. Imperdoável não ouvir. ;)

Filipe disse...

O Rock Português nada fica a dever ao restante que por ai fora se faz.
Como exemplo disso temos os Linda Martini, para mim uma das melhores sonoridades que por ai andam!
Problema: ser português! Por acaso comprei o CD original, mas devo confessar que foi o primeiro CD de grupos portugueses que comprei.
Acho que existe a ideia de que não se compra CD's portugueses... são portugueses, são "mais ou menos", nunca "perfeitos"...
Por outro lado é mais difícil "sacar" música de grupos portugueses! Quem quer ouvir Linda Martini tem mesmo que comprar o CD (ou então estou muito desactualizado dos sites a visitar...)
Peço desculpa aos outros grupos por os estar a omitir, mas de facto para mim Linda Martini é mesmo algo "bombástico".
Depois disto já merecia uns convites para os concertos deles, não?

Um abraço

samuel disse...

É totalmente verdade!!! Linda Martini é genial.. se fossem dos EUA já tinham milhare e milhares de cd's vendidos!! Grande banda, grande música!! E depois claro também temos os X-Wife, Wraygunn, Vicious5 e por aí fora.. Só falta as bandas portuguesas terem mais visibilidade, tanto cá dentro como lá fora..

Abraço aí para o pessoal no estúdio!

António de Almeida disse...

-Para quem disse que o rock Português começou com os UHF, é melhor conhecer um pouco melhor a história, um pouco antes, nos anos 60, se quiserem houve José Cid e os 1111, os Sheiks, ou os Gatos Negros, entre outros, se não quiserem contar com os anos 60, então nos 70 tivémos antes de Rui Veloso ( que por ironia para mim nem é rock, mas que abriu as portas a meio mundo, uns com qualidade, outros nem tanto ), os Róxigénio, a Go Graal Blues Band (com Paulo Gonzo), o berço do rock foi o Porto, e não Lx, aliás, a importância de Lx era mais as salas, nomeadamente o Rock Rendez Vouz, porque os UHF, os Xutos, mas também o Grupo de Baile, eram oriundos de Almada, outros como os Delfins da linha de Cascais, Lx surge depois, com os Heróis, os Sétima Legião (que também não é rock), ou os Rádio Macau. This is History!

Anónimo disse...

Alvim td bem?
Como bom português gosto do rock q por cá se faz...
Sou dos inicios dos anos 70 e gosto muito do rock que pela década de 80 surgiu. UHF, Xutos, Rui Veloso, Taxi e claro os saudosos Trabalhadores do Comércio... saúdo com alegria o seu regresso e um abraço especial ao Castro que conheço desde pequno. Quanto ao rock dos dias de hoje... fantástico!

sentadanalua disse...

Cada vez gosto mais do rock que cá se faz em Portugal,acho que cada vez temos mais bandas com grande qualidade quer cantem em português ou inglês.

primeiraliga.com disse...

Adoro ROCK, mas futebol é que é lindo!

FORÇA PRIMEIRALIGA.COM
www.primeiraliga.com
Fórum de futebol

Miguel Dias disse...

O rock português está claramente numa fase de expansão. É, pelo menos, a ideia que eu tenho... A música é cada vez melhor, mais bem trabalhada, e os comentários positivos acerca da nossa música já não são só nacionais.

No entanto, há uma coisa que falta ao rock português, e à música nacional em geral. Caros músicos portugueses, larguem a porcaria do playback! Então uma banda qualquer vai à televisão, tem ali a oportunidade de ser vista por imensas pessoas, e entrega-se ao playback?!

O playback é a forma mais sublime de tomar o público por parvo! Em programas como o Top +, por exemplo, acho um abuso as bandas fazerem playback! E, devo dizer-vos, quando vejo uma banda a fazer playback na televisão, essa banda perde logo muitos pontos na minha consideração!

Caramba, sejam mais sinceros conosco, público, nesse aspecto!
De resto, boa sorte às novas e boas bandas! Que sejam uma forma de enterrar os Pólo Norte! ;)

Anónimo disse...

Ora cá está um tema que é impossível não participar!
Rock em portugal, é bom e recomenda-se! o idioma é indiferente e até pode nem ter letra! Para ouvir essas novas bandas podemos, efectivamente ir ao Hi5, ao Ytube, etc... mas nada melhor do que entrar num daqueles tipicos bares onde se ouve um bom som ao vivo(ás vezes nem por isso, ok!!) se bebe um copito e "coiso e tal"... e é bom, pronto!
E vou-me embora daqui que eu não faço parte deste anúncio!!!!
Abraços!
Alice

definitivo disse...

Boa noite, Alvim.

Mas qual Rock Português, Alvim?!...
Só porque alguém se lembrou há uns anos atrás, de chamar "rock" a uma música que tinha o apelido de "Chico Fininho", já temos... rock português?!...
Rui Veloso, "pai do rock português"...

Já ouviste (ouvir, com orelhas e tudo) a músiqueta "Chico Fininho", capitão?... Aquilo é rock?... Ou será - como muito bem "etiquetou" o Herman - música "Ró"?...

Para mim não há rock português nenhum, tal como também não há fado em mais lado nenhum do mundo. E já muitos (estranjas) tentaram.
Agora, uma coisa é uma coisa, e outra coisa é outra coisa...
No meio dessa música a que chamam "rock português", há muito boa música? Há.
Um exemplo: que é feito dos "Ornatos Violeta" - talvez o maior grupo português de todos os tempos?...
O que levou a que desaparecessem?...
Foram "abafados" pelas "vacas sagradas" do "rock português"?...
Chama-se rock à música deles?...

Alvim, não há rock português, como também não há fado japonês (por mais que tentem), nem samba paraguaio, ou flamengo inglês, corridinho galego, etc e tal, e tal, e tal...

De qualquer modo, não foi este tema "rock português", que me fez dizer os disparates ali acima, não. O que me trouxe ao teu (vosso, pois eu sei que estás sempre bem acompanhado - iu nou uore ai mine?) programa, foi o facto de tu falares na famosa "Famel Zundap".
É que o meu irmão do meio (o mais parolo, ironicamente) tinha uma (repara só nisto, Alvim)... Famel Zundap XF 17 Super.

Eu repito, em maiúsculas e em separado:

FAMEL ZUNDAP XF 17 SUPER

Era o modelo que fazia frente à "mítica", Saches V5 ou, como dizia o povo... "Via 5".

Eu tenho mais provas mas, acho que isto chega para confirmar o porquê do meu irmão do meio ser... o mais parolo.

Prontos, Alvim, como não ando de FAMEL ZUNDAP XF 17 SUPER, só me resta apanhar a camioneta. É que, se a perco, ainda tenho que ir de secretária pra casa...

Abraço, capitão.

Miguel Dias disse...

Se a culpa é da televisão, caros amigos, eu mando já um mail ao Provedor do Espectador...

Não sabia que os Pólo Norte tinham assim tão boa reputação junto dos verdadeiros artistas!

Ricxardo disse...

Enterrar os Pólo Norte? então e o Olavo Billac e o Paulo Gonzo e outros que tais que pior que fazer playback, é as músicas deles servirem só e apenas para genéricos de novelas??

Ricardo disse...

ah... eskeci-me dos Delfins...Sorry!

Compilatórium rules!

Eu disse...

Ola alvim

Trabalhadores do comercio por acaso ate aprecio bastante...
Alvim toma este blog http://portugalunderground.blogspot.com/ tem muitas maquetas e demos de bandas portuguesas.

ja agora recentemente descobri uma banda antiga portuguesa que é os xeque Mate

Fica bem alvim e boas rockalhadas

telmyy disse...

LINDA MARTINI. Linda Martini. Linda Martini. Com orgulho digo que sao das minhas bandas favoritas. E das portuguesas, é mesmo a favorita ^^

Já os vi, num show case na FNAC de Coimbra.
E queria informar que me arruinaram o dia de anos :p
Pq já tinha tudo combinado para os ir ver a Marinha Grande no dia 14 de Abril. E um membro ficou constiapado. Fiquei desfeita :p


beijinho *

minhOfles disse...

Boas tardes a todos!
Um pouco à pressa mas não pude deixar de passar aqui para dizer que adoro The Vicious 5!! Sou p'raí o fã nº..qq coisa, fã nº 1 já está muito batido e era um bocado presunçoso, mas é o CD que passa mais tempo a rodar no rádio do carro, e eu ainda faço alguns kilómetros.

Rock ou não rock, com ou sem rótulos, em Português ou apenas de Portugal, há muito boa música nacional cada vez mais! E ainda bem, o que for mau cada um pode sempre optar por não ouvir, escolha é sempre bom.

[abraços]

Francisco Marta disse...

O verdadeiro rock em Portugal começou em Coimbra com os Tédio Boys de onde sairam bandas como os Wraygunn, Legendary Tiger Man, Bunnyranch, D3O e o maior rocker português, que sucederá ao grande Victor Gomes será o ainda maior Paulo Furtado.
Um aplauso tambem para as novas bandas como os Linda Martini, Vicious5, Born a Lion, Dead Combo, Sean Riley & The Slowriders, etc.
Um abraço.

Ivo Teixeira disse...

e por acaso sabiam que já há mais de dois anos o Blá Blá, em Matosinhos tem uma noite dedicada exclusivamente aos sons nacionais?

pois decerto que não...

é na primeira sexta-feira do mês, duvido que exista mais alguma casa que o faça...

http://www.myspace.com/Noitesmusicaportuguesa

cumprimentos

carla granja disse...

olá! foi bom de mais recordar o perfume patchouly há bué da tempo k nao ouvia essa musica. eu tmb tenho um blog com poemas de minha autoria e por acaso ontem coloqueie um video da banda iris bem rock portugues. eu adoro eles pois tmb os conheço e lá estou eu sempre no estudio deles . se kiseres dá uma olhada.
http://paixoeseencantos.blogs.sapo.pt

André Santos disse...

Boa noite Alvim !
Rock Português onde ?
Não existe rock português!... É óbvio que eu nao ouvi todas as bandas portugas que andam por ai.. Mas se elas não recebem o merito Rock que deviam receber, e porque nao "rockam" bem ...
Na verdade, acho que se ouve rock portugues foi na epoca pós 25 de abril, ou pelo menos devia ter havido! (tenho 15 anos, nao me massacrem com historia !)
Mas se considerar-mos uma banda indie como uma banda rock, por exemplo, os Silence 4, temos rock que encha ouvidos, infelizmente, não passa de uma ilusão!

Apesar de Portugal ter optimos sons como Rui Veloso, UHF, e até GNR, nunca se ouviu, por estas bandas, nenhuns Led Zeppelin, black Sabbath, AC/DC, Nirvana, Pearl Jam, Lenny Kravitz, Steve Vai, e outros como tais... Mas como já ouvi dizer, e penso que seja verdade, muitas das melhores bandas portuguesas ainda nao sairam da garagem, ainda estao para vir, nao fosse a ditadura Salazarista Portugal já tinha evoluido muito no campo musical, e nao só..
Para mim, e de momento, a melhor banda rock portuguesa é ...

... Não é! Não existe rock portugues e tenho dito !

Abraço e dorme bem Alvim !..

André Santos disse...

"Ouve" tá mal escrito !! =S Eu sei que leva "H" - logo, "Houve" x)
lá está, tenho 15 anos ...