terça-feira, setembro 11, 2007

Queer Lisboa 11



Decorrerá entre os dias 14 e 22 deste mês, no Cinema São Jorge, o Queer Lisboa 11 – Festival de Cinema Gay e Lésbico de Lisboa e, connosco, hoje, teremos João Ferreira, director do evento, a dar-nos uma primeira achega sobre a programação – que inclui, não só, a projecção de filmes, mas também debates (de entre todos, destaco um sobre a Cinematografia Gay Portuguesa dos Anos 70: o mero facto de ela existir, aposto, apanhará de surpresa muito boa gente).

Falaremos também do público alvo deste tipo de festivais, que não se esgota, certamente, na comunidade lésbica e gay, bem como naquilo que caracteriza um filme gay e lésbico – e se essa catalogação não limita, de alguma forma, a obra e a maneira como o público a poderá ver.

Perguntas e comentários, como de costume, para o 800 25 33 33 e caixa de mensagens do blogue. A partir das 19, com Fernando Alvim e Marisa Jamaica.

12 comentários:

o_cao_que_morde disse...

Boas tardes Fernando Alvim, Marisa Jamaica e João Ferreira
Um festival de cinema com muitos
Mas na verdade eu não vou ver
Primeiro porque não me identifico com o estilo de filmes depois porque não me sentia a vontade no local que não tinha nada haver com a minha pessoa.
Mas a existência de Cinematografia Gay Portuguesa é uma novidade para mi.

CESAR disse...

Boas tardes Sr. Alvim, belissíma Marisa e o convidado João.

Parabéns ao Sr.João Ferreira e seus associados por esta iniciativa que pretende não só explorar um nicho de mercado cinematográfico subvalorizado e mesmo marginalizado, assim como lutar contra a discriminação homofóbica feita por muitos.

O que as pessoas têm de perceber é que ser homossexual não é nenhuma doença, como defendeu a Igreja e defende actualmente a Cientologia.
A homossexualidade é uma opção de vida que tem a mesma validade como o homem que escolhe de manhã levar sapatos em vez de ténis.
Parabéns pela iniciativa e espero que mais iniciativas deste género venham por aí, com o intuito de lutar contra a fraqueza mental!

Parabéns pelo programa e continuem com a irreverência que vos marca!
Abraços!

P.S: Alvim, já ouviste falar no filme "A outra margem" ? De um realizador Tuga que conta a história de um travesti e de uma criança portadora de trissomia 21.
Espero ir ver quando estrear!

cristina disse...

Boa tarde a todos!
Sou bisexual, mas por que raio temos sempre de assim nos apresentarmos???
Xis cristina

Ui Ui disse...

isso Alvim vai lá ver o festival!!
Vais gostar aliaz vais amar e sair de lá com um andar novo. Ui

cristina disse...

Vou esclarecer!!
Sou mulher e gosto de todos os sexos!!
Esta sociedade pseudo liberal, exige que nós nos "apresentemos"
Também espero que isto mude e todos possamos viver em amor e curtição na boa..ihihih
beijos

António de Almeida disse...

-Como cinéfilo por um lado apoio todo e qualquer evento cinematográfico no nosso país, por outro não reconheço a existência de cinema gay e lésbico, acho-o mesmo uma parvoíce, O Segredo de Brokeback Mountain ou as Lágrimas amargas de Petra Von Kant não são filmes gay ou lésbico, são obras de arte, seria como dizer que Lolita é um filme pedófilo ou E tudo o vento levou ser um filme heterossexual. As minorias, homossexuais e não só passam a vida a queixarem-se da descriminação, e depois colam elas próprias os seus rótulos.

CESAR disse...

Sr. Alvim faça o favor de ler este excerto:

"Em 1990, Paul Barresi, ex-astro pornô, disse que ele e Travolta foram amantes. Depois, negou. Mais tarde, a Igreja da Cientologia - da qual o astro é integrante - foi processada por um ex-membro, que relatou que a instituição cita Travolta como um homossexual “curado” pela cientologia."

Curam-se as doenças.
Mas a questão é que a Homossexualidade não é doença como já disse.
Quanto aos bichas, são apenas homossexuais excêntricos, tal como existem heterossexuais excêntricos.
Ambos os tipos de excêntricos são irritantes e chatos.

Uma questão que eu gostaria de ver explorada.
Muitas pessoas quando descobrem que tal é homossexual afastam-se dele, principalmente em caso de homens.
A minha questão é:
Se o Jaquim tem um amigo que é homossexual, vai-se afastar dele porquê?
Pensa que o seu amigo o vai tentar seduzir? Ou é simplesmente estúpido que nem uma porta?
Quanto à ideia da possível sedução.
Será que o Jaquim se acha um macho latino que é mais iman que outra coisa que atraí mulheres a rodos e por isso até os homossexuais serão atraídos pela sua pança enorme e aquela unhaca grandiosa que ele tem no mindinho?
Será que ele acha que os homossexuais não têm padrões de qualidade?

Abraços!

Anónimo disse...

Tenho ido sempre ao Festival. Há sempre bons filmes - curtas e longas. Gostei mt do "un ano sin amor", a longa-metragem que ganhou o ano passado. Parabéns a todos os que fazem o Queer Lisboa, todos os anos e com um baixo orçamento. Um abraço.

Rui Cubano disse...

Falam de descriminação e timidez mas haviam de ver a desolação que foi no Festival de Bestialismo em Águeda (lá perto)... os protagonistas tinham muito lugar pa se sentar, e precisavam, mas não se livraram das chibatas de alguns moralistas em plena carpete vermelha. Alguns dos cavalos chegaram mesmo a fugir.

telmyy disse...

não costumo ver filmes deste genero, porém uma das minhas séries favoritas é a Letra L ^^

***

carolina disse...

olá. bem eu só nao fui ao festival o ano que passou porque nao tinha ninguem para ir comigo ,,, os meus amigos diziam-me todos "oh eu quero ser apontado como um homosexual .. nao vou!" meu deus.. eu sou hetero e queria mesmo ir. e ainda quero e vou! é este ano 2008 que tenho a certeza que vou!Porque quero ir?! porque sempre estive perto de esses temas (homosexualidade) e porque quero encontrar pessoas com quem me identifico e tambem porque é sempre bom ir a um festival de cinema. meus senhores aquilo nao é somente para homosexuais... sera que vamos ser sempre assim!? pessoas tao feias?! embora aja agora a nova moda da homosexualidade e bisexualidade! sim .. nova moda ... voltou! acho que todos os heteros agora mudaram de padroesde escolha.. pelos vistos parece que é mais hot assumir uma postura Bi ! EMBORA ISSO... CONTINUAMOS COM A MESMA MENTALIDADE DE SEMPRE... E VAMOS SEMPRE CONTINUAR! proponho aqui tambem que o site do festival seja mais completo... no sentido dos preços.

carolina disse...

correcçao: "oh eu nao quero ser apontado como um homossexual"